Atualizar o Slackware para o “current”

Neste post forneço os passos para atualizar o seu Slackware “estável” para o Slackware “current”, que  representa o atual estágio de desenvolvimento da distro.

Tal e qual o Debian “Sid”, o “current” é e sempre será uma distro de desenvolvimento contínuo, que se distancia das versões estáveis conforme o tempo passa. Assim, quanto mais “velha” a versão estável do Slackware, mais distante ela estará do “current”, e no momento atual a distância é grande. 

Ao contrário do que muitos pensam, o “current” costuma ser suficientemente estável para uso diário, e traz KDE e demais programas atualizados.

Bom, vamos ao que interessa, lembrando que todos os comandos abaixo precisam ser executados como “root”.

1) Defina o seu espelho preferido para o “slackware-current” descomentando a respectiva linha no arquivo /etc/slackpkg/mirrors.

2) Atualize a lista de pacotes:

slackpkg update

3) Instale os novos pacotes:

slackpkg install-new

4) Atualize todos os pacotes instalados:

slackpkg upgrade-all

5) Execute o comando acima novamente:

slackpkg upgrade-all

6) Remova os pacotes desnecessários:

slackpkg clean-system

Repita os passos 2, 3, 4 e 6 uma vez por semana, a fim de manter seu “current” em dia com o progresso da nova versão do Slackware.

Quem não está habituado com o “slackpkg” deve clicar aqui.

E se você pretende instalar o Slackware e quer logo partir para o “current”, recomendo o “Slackel Linux”.

Anúncios

Sobre pinduvoz

Advogado por profissão, entusiasta do SL por opção.
Esse post foi publicado em Linux em geral e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Atualizar o Slackware para o “current”

  1. edps disse:

    Boa dica amigo André!

    Eu penso da seguinte forma: se for para usar Slackware que seja o Current, porque usar release estável tem essa grande distância entre pacotes dela pro Current, como ocorre no Debian do Stable > Testing > SID.

    No Debian acho que vou voltar a usar somente o SID, assim não me preocupo com essas coisas.

    Um abraço.

    • pinduvoz disse:

      Quando usei Slack, foi sempre o current. Isso porque o Slack não costuma colocar no current pacotes em teste e sim pacotes prontos, em suas últimas versões. Sai versão estável de um pacote, entra no current.

      Já no Sid há mais pacotes em versão de teste, e às vezes há duas versões de teste diferentes: uma no Sid, outra no testing (Jessie).

      Se olharmos o current no Distrowatch hoje, veremos que o único pacote nele que é de teste é o K3B.

  2. izaias disse:

    Era esse jeitinho que faltava. rs
    Agora já tenho um ótimo tuto para, finalmente, conhecer o Slack Current.

    Boa, André!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s