O Linux pré-instalado (OEM) e as senhas do sistema

Tenho visto vários usuários que compraram computadores com GNU/Linux pré-instalado perguntando o que fazer para obter as senhas do sistema, tanto a do usuário pré-configurado (geralmente utilizando user ou oem como login) quanto a do root.

O que geralmente ocorre na instalação OEM é a inclusão do usuário pré-configurado nos grupos wheelsudoers e admin, dependendo da distribuição utilizada, configurado o login automático e o comando sudo para não pedir uma senha, deixando o comprador a vontade para trocar as senhas quando bem lhe convier (mas nenhum manual explica como).

Sendo  a distribuição pré-instalada o Ubuntu (ou derivados, como Kubuntu, Xubuntu, Lubuntu e mesmo o Linux Mint), a conta de root é travada por padrão e não deve ser atribuída uma senha para ela. Mas sendo a distribuição o Debian (muitos usuários que apareceram recentemente no Fórum do Vol compraram computadores com o Debian Wheezy pré-instalado), deve ser atribuída uma nova senha para o root.

E como fazer isso? Simplesmente abrindo um terminal e digitando o comando abaixo:

sudo su

Notem que o prompt, ou tudo aquilo que, no terminal, fica “antes do cursor piscante”, deve mudar o simbolo final de “$” para “#”. E é por isso que quando vocês encontram algum tutorial para Linux os comandos são precedidos de “$” ou “#”, indicando quem deve utilizá-los, um usuário qualquer (“$ comando”) ou o root (“# comando”).

Exemplos retirados do meu computador, com Ubuntu 12.04 instalado:

a) prompt normal:

andre@office-02:~$

Isso significa que o usuário logado no sistema utiliza andre como login ou nome curto,  a máquina utiliza o nome office-02 e a pasta atual é “~” (home do usuário logado, por convenção). No mais, andre é um usuário comum, pois  o prompt  dele termina em “$”.

b) prompt do root, o super-usuário que tudo pode:

andre@office-02:~$ sudo su
root@office-02:/home/andre#

Após o comando “sudo su”, o usuário passa a ser o root,  a computador ainda é o office-02 e a pasta atual ainda é /home/andre (não mais representada por “~”, pois andre não é mais o usuário logado). E se  o prompt termina em “#”, o usuário logado só pode ser o root.

Após obter um prompt de root, com o citado comando “sudo su”, atribua uma senha ao usuário pré-configurado, assim:

a) caso o login do usuário pré-configurado seja oem (veja o que está antes de “@” no prompt dele), o comando será:

passwd oem

e a nova senha deverá ser digitada duas vezes (ela não aparecerá no terminal, nem mesmo como símbolos ou asteriscos).

b) caso o login seja user, será:

passwd user

ou seja, o comando será sempre:

passwd login

valendo também para o root:

passwd root

A nova senha, repito, deve ser digitada duas vezes, e não aparecerá na tela.

Fácil, não?

Não se esqueçam de anotar as senhas num lugar seguro, especialmente se quiserem alterar a configuração do comando sudo para que seja pedida a senha do usuário para tarefas administrativas, ou mesmo para desativar o login automático, sendo necessária uma senha de usuário válida para iniciar o sistema.

A configuração do comando sudo e a desativação do login automático serão objeto das próximas postagens.

Anúncios

Sobre pinduvoz

Advogado por profissão, entusiasta do SL por opção.
Esse post foi publicado em Linux em geral e marcado , , , , . Guardar link permanente.

13 respostas para O Linux pré-instalado (OEM) e as senhas do sistema

  1. Pingback: Configuração do sudo (Ubuntu, Debian e derivados) | casadopinduvoz

  2. Claudia disse:

    toda vez que aparecia root@linux-02:/home/user# eu colocava passwd root ou passwd user ai pedia pra eu colocar a nova senha e quando eu colocava dava que a nova senha era um sucesso, só que não saiu disso ai o meu Pc não saia mais dessa pagina o que eu faço pra tirar essa pagina pra que eu consiga ligar o meu Pc

  3. tiago disse:

    como altero o nome de oem para meu nome por exemplo?

  4. alex disse:

    sou iniciante e começei a usar o linux agora mais cara eu nem sei como instalar as coisas porfavor me ajudem comprei so o cpu e veio um cd com os drivers da placa mae e nao consigo instalar

    • pinduvoz disse:

      Esqueça o CD de drivers, pois eles servem apenas para Windows. No Linux, todo o hardware que é reconhecido é instalado automaticamente. O que não é reconhecido não vai funcionar e aí, sim, VC precisará correr atrás do problema.

  5. alex disse:

    muito obrigado ajudo muito. mais ainda tenho um problema não consigo instalar jogos com formato EXE cara vcs tem algum jeito de me ajudar ?

    • pinduvoz disse:

      Jogos do Windows rodam via Wine, que emula a API do Windows no Linux. Procure tópicos sobre o Wine no fórum do ‘Viva o Linux” ou no da disto que VC usa.

  6. Jadson Souza disse:

    O meu computador é o Linux oem,não conssigo istalar qualquer programa nele.como eu faço isso?

  7. Victorino Birutti disse:

    Ótimo, Excelente é tudo que eu preciso e realmente esse é O CARA…….

  8. iago disse:

    Oi eu comprei um pc e veio com linux como eu uso o computador para jogos eu gostaria de formatalo para windows 7 mas quando vou formatar nao aparece o batao para abrir a bios, oque devo fazer?

  9. Zimbo disse:

    Cara, tenho o OS luna, mas não sei da senha de usuario (pois é a mesma do root), e estou com dificuldade pra instalar programas, alguem pode me ajudar? como faço pra ver a senha uma vez que vou em ususario mas la a senha esta ocultada ***** << dessa forma. Mto obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s