Mageia, o renascimento do Mandriva

Quem conhece um pouco da história do GNU/Linux, certamente ouviu falar do Mandrake Linux, distro que fez bastante sucesso desde seu lançamento, em 1998, e até 2005, quando a empresa francesa que a desenvolvia, a MandrakeSoft, fundiu-se com a brasileira Conectiva Linux, formando a Mandriva Linux e fazendo surgir a distro de mesmo nome.

Em 2010, a Mandriva Linux passou por uma séria crise financeira e funcionários descontentes resolverem criar um fork da distro por ela desenvolvida, dando-lhe o nome de Mageia Linux. Desde então, o Mandriva Linux afundou e o Mageia Linux cresceu. Aliás, cresceu muito, pois mostrou qualidades para isso.

Parece que tudo de bom que havia no Mandriva de antes de 2010 passou para o Mageia, cuja excelente versão 1 foi lançada em 2011. No ano seguinte, 2012, a versão 2 consolidou o sucesso da distro, que hoje está em segundo lugar no conhecido ranking de hits do Distrowatch.com, entre o Linux Mint e o Ubuntu (isso mesmo, Ubuntu em terceiro, após anos no primeiro posto).

O Mageia está perto da versão 3, que chegou ao segundo beta, certamente precisando de testadores da comunidade brasileira de usuários do GNU/Linux.

Quem se habilita?

E apenas para informar: muito do que havia no Mandrake Linux pode ainda hoje ser encontrado no PCLinuxOS, excelente distro americana desenvolvida com foco na facilidade de uso.

Sobre pinduvoz

Advogado por profissão, entusiasta do SL por opção.
Esse post foi publicado em Linux rpm e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Mageia, o renascimento do Mandriva

  1. Para isto acontecer de verdade ainda falta muito, são muitos BUGs e erros banais, como ao aplicativo de rede que não enxerga rede wifi oculta ( WPS ), e um live dvd que depois de instalado funciona de modo diferente do configurado. Ainda não existe um genuino herdeiro do MANDRIVA, muitos tetam mais ninguém chegou lá. Lamentável isso.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s