SolusOS: fique “de olho” nele

Tendo usado o Kurumin, descobri o Debian há muitos anos e adorei a estabilidade que ele proporciona. E, desde então, instalo o Debian por ocasião do lançamento de uma nova versão estável, que é mantida no meu desktop até que alguma novidade trazida por outra distro me faça querer voltar a “viver perigosamente”.

Mas, na medida em que se descobre do que o Debian é capaz, notadamente através do uso do Debian Backports, o apetite por novidades é refreado, já que é possível atingir um certo equilíbrio entre estabilidade e modernidade, notadamente quanto aos programas que mais “aparecem” para o usuário, como navegadores www e aplicativos de escritório.

Recentemente, descobri que esse equilíbrio entre estabilidade e modernidade, que o Debian é capaz de proporcionar, passou a vir pronto, ou seja, foi incorporado por uma distro GNU/Linux recente e já bem-sucedida. Trata-se do SoluOS, um Debian estável “modernizado” na fábrica.

Em sua versão atual, recomendada a todos, o SolusOS ainda usa o Gnome 2 que se encontra também no Squeeze, sendo sabido que o próximo Debian, o Wheezy, ou vai abandonar o Gnome pelo XFCE (como desktop padrão, apenas), ou vai usar o Gnome 3.4, que já está nos repositórios testing. E aí surge a possibilidade de o SolusOS, a exemplo do que já aconteceu com o Linux Mint, destacar-se da multidão customizando o Gnome 3.4 para oferecer uma experiência de usuário mais tradicional, até mesmo por conta do já confirmado fork do Gnome Classic, ou Gnome Fallback, ao qual se deu o nome de Consort.

Este texto já está mais longo do que o previsto, mas é preciso, antes de encerrar, informar que o SolusOS 2, a próxima versão, baseada no Wheezy, lançou seu sexto alpha recentemente, sendo recomendado o teste para aqueles que costumam dedicar banda e tempo para isso.

Sobre pinduvoz

Advogado por profissão, entusiasta do SL por opção.
Esse post foi publicado em Linux em geral e marcado , . Guardar link permanente.

3 respostas para SolusOS: fique “de olho” nele

  1. marco brainiac disse:

    OLá Pinduvoz, beleza?

    Graças a sua dica anterior no Vol estou usando o SolusOS e estou muito satisfeito.
    Vem com Firefox, LibreOffice, usuário sudo montado dentre outras funcionalidades.
    Gostei muito deste gnome2 com jeitão tradicional.
    Uso o solusOs em dual boot com xp numa máquina com semprom 3000 850ghz e 2 gb de memo.

    Obrigado pela ajuda,

    Abraço

  2. pinduvoz disse:

    Eu é que agradeço o comentário.

    Abraço retornado.

  3. marco brainiac disse:

    OI Amigo,
    Mais uma observação qto ao SolusOS, consegui instalar e rodar o Remastersys apenas adicionando via repositório (depois fazendo apt-get install remastersys)
    E não adicionei pacotes mais dependências como no Debian (quack..)
    Adicionei em nano /etc/apt/sources.list
    ### remastersys
    deb http://www.remastersys.com/repository squeeze/

    http://main.solusos.com/archive/index.php/t-1837.html

    Mais um ponto para o SolusOS

    Abraço

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s